terça-feira, 30 de novembro de 2010

O M.S. Divulga

   Bryan Souza

Bryan nasceu no ano de 1992 em Lyon, França, mas sempre morou em Natal. Iniciou seu primeiro contato com a música no CIART, na EMUFRN, aos seis anos e, pouco depois, começou suas primeiras aulas de piano com o pianista Tarcísio Gomes. Em 2001 entrou no Curso Básico de Piano sendo aluno das professoras Betânia Franklin, Raquel Carmona e Samira.
      Em 2006, após um período sem estudar piano, voltou a ter aulas com o pianista Guilherme Rodrigues e em 2008 entrou no Curso Técnico de Música, na EMUFRN, continuando seus estudos com esse professor.
      Atualmente, Bryan tem suas lições com o pianista Rogério Tutti. Além de piano, ele cursa o Bacharelado em Ciências e Tecnologia na UFRN e faz iniciação científica no Instituto Internacional de Neurociências de Natal Edmond e Lily Safra.







Para quem quiser divulgar seu trabalho, recital, concerto, show, planos de aula, enfim, conteúdos relacionados à música. Entrem em contato conosco: movimentosonoro@gmail.com
Se gostaram da idéia, comentem!

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Planos Musicais!

Instrumentos de sucata

Existem infinitas possibilidades sonoras com a sucata. Fazer intrumentos ou, mais carinhosamente conhecidas, "geringonças musicais" de materiais que iriam pro lixo, além de ser ecologicamente correto é estimulante já que devemos descobrir variedades de timbre com esses materiais.

Aqui vai algumas das geringonças que podemos produzir para uma aula de música:

PANDEIRO

Materiais: 1 prato de vaso, 8 tampinhas achatadas e arame

Como fazer
1- Peça para um adulto abrir quatro fendas nas laterais do prato de vaso, usando uma serrinha manual (dando um espaço de 8 a 10 cm entre uma fenda e outra).
2- Com um prego, faça um furo acima e um abaixo de cada fenda.
3- Fixe um pedaço de arame nos furos de cima e perfure o meio das tampinhas achatadas de garrafa.
4- Prenda o arame nos buracos de baixo, fixando bem as tampinhas.



Como tocar Toque na sequência que mostra a figura: primeiro bata o dedão, depois a ponta do dedo-médio, o punho e a palma da mão.

Use a convenção:

dedão 1
ponta 2
punho 3
tapa 4

ZAMPONHA

Materiais: cano fino de PVC e fita-crepe


Como fazer

1- Corte 2 pedaços de cano PVC, um com 30 cm, outro com 20 cm, usando uma 
serrinha manual.

2- Tampe um buraco de cada cano usando a fita-crepe.

3- Com os buracos tampados virados para baixo, alinhe os canos por cima e 
grude-os com fita-crepe.


Como tocar
Assopre a parte aberta do cano, buscando a embocadura ideal, e toque uma 
nota de cada vez.


FLAUTA D'ÁGUA



Materiais: 30 cm de cano fino de PVC, fita-crepe e 1 bexiga


Como fazer
1- Encaixe o bico da bexiga inteiro na ponta do cano e grude com fita-crepe.
2- Coloque um pouco de água dentro da bexiga.


Como tocar
Encha a bexiga de água. Depois, assopre a parte aberta do cano, buscando a embocadura ideal, e toque uma nota de cada vez.Dica: puxe a bexiga enquanto toca para conseguir notas diferentes.








 SAX


Materiais: 40 cm de cano fino de PVC, fita-crepe e 1 garrafa de plástico


Como fazer
1- Com uma régua, meça 3,5 cm da ponta do cano e faça uma marca.
2- Faça um corte em diagonal a partir da ponta do cano até a sua marca.
3- Use um pedacinho de garrafa de plástico no formato da ponta cortada do cano e fixe-o com fita-crepe.


Como tocar
Cubra a parte de fita-crepe com a boca e assopre devagar até sair som.



BELISCOFONE


Materiais: 40 cm de cano grosso de PVC, fita-crepe e 1 bexiga (se possível,
mais resistente)

Como fazer1- Corte o bico da bexiga fora e encaixe a outra parte na boca do cano,
esticando bem.
2- Grude a borda da bexiga no cano com a fita-crepe.


Como tocar
Puxe e solte a bexiga dando beliscões








CLAVA

Materiais: 40 cm de cano PVC com espessura média e 1 tampão de PVC que encaixe na ponta do cano



Como fazer
Bata a ponta marrom em piso duro, cerâmicos ou em pedras.




Como tocar
Puxe e solte a bexiga dando beliscões





CHOCALHO



Materiais: 1 latinha de refrigerante, pedrinhas, fita adesiva.

Como fazer
1- Lave a latinha de refrigerante.
2- Pelo furo, coloque muitas pedrinhas pequenas, 
até preencher cerca de 1/3 da latinha.
3- Tape o furo com a fita adesiva.


Como tocar
Balance o chocalho no ritmo da música.

Outras ideias:
• Pau-de-chuva: Rolo de papel filme, palitinhos, fita crepe e pedrinhas. Fazer furinhos obedecendo ao caminho do papel no rolo e colocar os palitinhos de maneira que não sobre pontas para fora. Colocar as pedrinhas e tapar as extremidades abertas, com fita crepe.

• Caixeta: Lata de atum e pauzinhos finos grudados com fita crepe.
• Chocalho: Também pode ser feitos com potinhos de iogurte unidos pela abertura com pedrinhas e outros materiais dentro. Para fechar, fita crepe.
• Pauzinhos com tampinhas de garrafa pregadas.


Usando a imaginação podemos chegar a outros tantos instrumentos musicais com sucata. Melhor ainda se usarmos a criatividade dos alunos em um trabalho conjunto, cada um desenvolvendo seu lado inventor para criar novas geringonças musicais.

Como o tema "reciclagem" sempre é relacionado à assuntos como sustentabilidade, futuro, comportamento. Encontrei um vídeo muito interessante, o foco não é a música, mas sim a influência que o comportamento dos adultos tem para as crinaças. O vídeo passa uma mensagem muito forte que vale a pena ser levada à sério:



"A ONG Australiana NAPCAN que cuida exclusivamente de assuntos relacionados ao bem estar das crianças, lançou recentemente em todo território Australiano uma Campanha sensacional, com o slogan "O que as crianças vêem elas fazem" (tradução livre), a campanha tenta despertar na população a necessidade de darmos sempre bons exemplos para nossas crianças. Um bom exemplo de que a publicidade também pode e deve contribuir para ações sociais fortes e com propósitos bem definidos."

Espero que tenham gostado e que reflitam sobre este tema de tamanha importância.
Até o próximo "Planos Musicais!"

sábado, 27 de novembro de 2010

Cine M.S.

O filme desta semana é um famosíssimo drama dirigido por François Girard em 1998, chamado O Violino Vermelho.

Le violon rouge (português: O Violino Vermelho, inglês: The Red Violin , alemão: Die Rote Violine, italiano: Il violino rosso, chinês tradicional: 紅提琴), é um filme de 1998 do gênero drama, dirigido por François Girard e co-produzido por Canadá, Itália e Reino Unido.
O filme percorre três séculos e cinco países enquanto conta a história de um violino e seus vários donos.

Sinopse 

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Recital de Piano dos Alunos do Técnico



Hoje na Escola de Música da UFRN estarão se apresentando os alunos do curso técnico em piano erudito do Professor Rogério Tutti: André Valentim, José Augusto, Josilene, Mayssara, Mariana, Bryan e Matheus Rocha

Hora: 20h

Contamos com a sua presença em apreciar o trabalho desses grandes músicos cujo o trabalho é apresentar um repértório que agrade a diversos gostos com o melhor da música erudita.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Sem Comentários!

O Sem Comentários dessa semana é simplesmente SEM COMENTÁRIOS! ... A não ser que você queira comentar algo... Mas acho que você talvez fique como eu que, quando vi... ... ... Exatamente! Não há palavras!
É o verdadeiro conceito de festa estranha com gente esquisita. Que música era aquela?! Que tipo de dança era aquela?! Que banda era aquela? Dois cantores, um pobre tecladista e uma dançarina aparentemente desmotivada com o que estava vendo...

Obs: Se você tem o coração fraco ou não aguenta fortes emoções, é melhor que não assista o vídeo a seguir.






No site onde achei esse vídeo, alguém tinha feito o seguinte comentário:
"Deus, por que me deixou assistir a dança do maxixe mais bizarra da historia aos 2:26!?"

Qual  sua sensação após assistir esse vídeo?
Comente os sintomas! Mas não vomite aqui... 

Diogo Guanabara e Macaxeira Jazz

Um evento imperdível galera!
Estarão se apresentando nessa sexta Diogo Guanabara e Macaxeira Jazz

Diogo Guanabara nasceu em 10 de outubro de 1986 e iniciou seus estudos na música aos 9 anos de idade. Começou tocando cavaquinho, mas logo abraçaria também o bandolim. Teve como mestres Alexandre Moreira no bandolim e Prêntice Bulhões no cavaquinho. Apesar da pouca idade, Guanabara possui em seu currículo passagens pelos trabalhos de alguns artistas de renome nacional, como Oswaldo Montenegro, Benito de Paula e Roberta Sá.

O grupo instrumental Macaxeira Jazz formou-se em Natal no ano de 2004 por quatro então estudantes do Curso Técnico de Música da UFRN. No início, o repertório baseava-se em temas de Jazz e Bossa Nova, mas se tornou variado com o passar do tempo, somando ritmos brasileiros como Frevo, Samba e Baião com o Blues, Funk, Salsa, Bolero e outros, criando assim um repertório bastante variado, com composições e arranjos próprios.


Data: 26 de novembro
Hora: 20h

Vendas antecipadas na Botton Midway

Não Percam!!

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Os Bachianos

Grupo Os Bachianos, estreia nesta quarta (24/11) na Igreja do Galo!

O grupo “Os Bachianos” formado por alunos do curso Técnico e Bacharelado da Escola de Música da UFRN realiza sua primeira apresentação nesta quinta às 17 horas na Igreja do Galo.
Os Bachianos é fruto da disciplina Música de Câmara e tem coordenação dos professores Amandy Bandeira e Camila Meyreles.
Em sua estreia, leva ao público a suíte n. 2 de Johann Sebastian Bach, executada pelos músicos Edyelwys Renné, Flauta Transversal; Diego Araújo,Violino 1; Kelly Cristina, Violino 2; Pedro Zarquel, Viola; Diego Paixão, Cello; Rodolfo Lima, Baixo; Matheus Rocha, Clavinova.


Entrada Gratuita!


Fonte: http://www.musica.ufrn.br/em/?p=908 


Boa iniciativa, galera! Temos que divulgar nosso trabalho além dos muros da UFRN.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Planos Musicais!

O tema desta semana é:

Brincadeiras simples para trabalhar a percepção

Caixinha surpresa
Colocar em uma caixinha vários nomes (ou figuras) de animais e objetos sonoros. Ao ritmo de uma parlenda de escolha, as crianças passam a caixinha de mão em mão. Ao final da parlenda, aquele que ficou com a caixa na mão retira um nome e tenta imitar o seu som para que a turma adivinhe qual é o animal ou objeto sonoro.

Telefone
Para a descoberta do timbre.
Um telefone de brinquedo ou um obejto que possa representar o aparelho.
As crianças passam de mão em mão enquanto um escolhido fica de costas para a turma. A criança que está de costas emite um som imitando a chamada do telefone. Aquele que estiver com o telefone na mão dirá "Alô" e a outra criança deverá adivinhar quem atendeu a sua chamada.

Mais sobre exploração de timbre
Em roda, cada criança terá um instrumento (produzido em aula ou não) e uma criança no meio da roda de olhos vendados. Ao sinal do orientador, um instrumentista da roda toca seu instrumento. A criança de olhos vendados deverá indicar de onde vem o som e que instrumento foi tocado. 

Dia do Músico - 22 de novembro!

Euterpe
Músico é aquele que pratica a arte da música, compondo obras musicais, cantando ou tocando algum instrumento. Música, por sua vez, é a arte de combinar sons de maneira agradável ao ouvido, ou o modo de executar uma peça musical por meio de instrumento ou da voz. A palavra é de origem grega e significa “as forças das musas”, ninfas que ensinavam às pessoas as verdades dos deuses, semideuses e heróis, usando a poesia, a dança, o canto lírico, o canto coral e outras manifestações artísticas, sempre acompanhadas por sons.
Apolo e Euterpe

     Segundo a mitologia grega, os Titãs, que em literatura simbolizam a audácia orgulhosa e brutal, mas punida pela queda repentina, eram divindades primitivas que se empenharam em luta contra Zeus buscando a soberania do mundo, mas foram fulminados por ele e precipitados no Tártaro. Satisfeitos, os outros deuses pediram ao deus maior que criasse quem fosse capaz de cantar as suas vitórias, e este então se deitou durante nove noites consecutivas com Mnemosina, a deusa da memória, nascendo daí as nove Musas. Delas, a da música era Euterpe, que fazia parte do cortejo de Apolo, o deus da música.

     No princípio, a música foi apenas ritmo marcado por primitivos instrumentos de percussão, pois como os povos da antiguidade ignoravam os princípios da harmonia, só aos poucos foram acrescentando a ela fragmentos melódicos. Na pré-história o homem descobriu os sons do ambiente que o cercava e aprendeu suas diferentes sonoridades: o rumor das ondas quebrando na praia, o ruído da tempestade se aproximando, a melodia do canto animais, e também se encantou com o seu próprio canto, percebendo assim o instrumento musical que é a voz. Mas a música pré-histórica não é considerada como arte, e sim uma expansão impulsiva e instintiva do movimento sonoro, apenas um veículo expressivo de comunicação, sempre ligada às palavras, aos ritos e à dança. Os primeiros dados documentados sobre composições musicais referem-se a dois hinos gregos dedicados ao deus Apolo, gravados trezentos anos antes de Cristo nas paredes da Casa do Tesouro de Delfos, além de alguns trechos musicais também gregos, gravados em mármore, e mais outros tantos egípcios, anotados em papiros. Nessa época, a música dos gregos baseava-se em leis da acústica e já possuía um sistema de notações e regras de estética. 

Santa Cecília

      Por outro lado, a história de Santa Cecília, narrada no Breviarium Romanum, a apresenta como uma jovem de família nobre que viveu em Roma no século III, nos princípios do cristianismo, decidida a viver como monja desde a infância. Mas apesar dos pais a terem dado em casamento a um homem chamado Valeriano, a jovem convenceu o noivo a respeitar-lhe os votos e acabou convertendo-o à sua fé, passando os dois a participar diariamente da missa celebrada nas catacumbas da via Ápia. Em seguida, Valeriano fez o mesmo com o irmão Tibúrcio, e com Máximo, seu amigo íntimo, e por isso os três foram martirizados pouco tempo depois, enquanto Cecília, prevendo o que lhe aconteceria, distribuiu aos pobres tudo o que possuía. Presa e condenada a morrer queimada, ela foi exposta às chamas durante um dia e uma noite, mas como depois disso ainda se encontrava sem ferimentos, um carrasco recebeu ordem para decapitá-la. Porém, seu primeiro golpe também falhou. Isso aconteceu durante o ano 230, no reinado de Alexandre Severo, época em que Urbano I ocupava o papado. Anos depois uma igreja foi erigida pelo papa no local em que a jovem mártir residira, tornando-se a Igreja de Santa Cecília uma das mais notáveis de Roma.

     Muito embora o Breviarium Romanum não faça menção alguma às prendas musicais de Cecília, ela se tornou, por tradição, a padroeira dos músicos, da música e do canto, cuja data de comemoração é 22 de novembro, o mesmo dia dedicado à santa. A tradição conta que Santa Cecília cantava com tal doçura, que um anjo desceu do céu para ouvi-la.

         Fonte: http://recantodasletras.uol.com.br/artigos/272706
Por FERNANDO KITZINGER DANNEMANN
Publicado no Recanto das Letras em 24/10/2006
Espero que tenham gostado.
Parabéns a todos os músicos! Que nossas vidas continuem sempre no melhor compasso!

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Semana da Música


Começa nesta quinta e vai até domingo a Semana da Música da UFRN.
Este ano a Semana traz novidades e expande seus limites. Os eventos acontecem em vários pontos de Natal, e apresentam a produção musical da UFRN no shopping Via Direta, shopping Midway Mall, Parque das Dunas, Igreja do Campus e Escola de Música da UFRN.
Com a descentralização das apresentações, os 29 grupos participantes da Semana da Música terão a oportunidade de difundir e divulgar a produção musical da Escola de Música da UFRN a platéias mais amplas e heterogêneas. O objetivo é levar boa música de forma gratuita aos mais diversificados públicos. A programação é eclética e contempla jazz, música coral, chorinho, canto lírico e muito mais.
Acesse o site do evento http://www.musica.ufrn.br/semanadamusica2010.
Comunidade do evento: http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=108328173 (porque Orkut também é cultura)

Programação:


terça-feira, 16 de novembro de 2010

Musimídia da Semana

Olá a todos!

Eu tardo, mas não "falto". Hehehe! Estamos aqui com mais um Musimídia da Semana que estava devendo e esse, em especial, é uma mistura de musicalidade com humor e criatividade. Hehehe! Ouvi esse cara neste fim de semana e outras músicas no qual ele fez versões. Estamos falando de Richard Cheese e Lounge Against the Machine!

Os nomes artísticos foram escolhidos, pois "Cheese" é uma gíria que significa "cafona" e "Lounge Against the Machine" é uma paródia à famosa banda "Rage Against the Machine" e, basicamente, é isso o que eles fazem: paródias de músicas dos mais diversos estilos, sejam aberturas de filmes, desenhos animados, rock, pop, hip hop e as transforma naquele som ambiente típico de cassinos, onda há a predominância do jazz.

A tradução literal de "cheese" também é "queijo" e por isso, todos os pseudônimos dos integrantes são um tipo de queijo. Tem o Richard Cheese (Richard Queijo/Cafona), o vocalista e comediante americano cujo nome original é Mark Jonathan Davis, o Gordon Brie no baixo, o Buddy Gouda, que era baterista da banda até 2004 e foi substituído pelo Frank Feta e Bobby Ricotta no piano e teclado.

A banda teve início no ano de 2000 e fez muito sucesso nos Estados Unidos e Europa e lançaram nove álbuns, com três ainda para serem lançados, dois ainda este ano e um previsto para ser lançado em 2011.

Notícia no Jornal Nacional sobre a obrigatoriedade do ensino de música nas escolas


Na edição do Jornal Nacional de ontem (dia 15/11/2010), foram apresentadas três matérias muitíssimo interessantes sobre o assunto.
É claro que nós, músicos, estudantes de música e educadores musicais de plantão tínhamos que discutir esse assunto de tamanha relevância. Achei muito interessante o depoimento de um colega sobre a notícia do JN:

"Estamos num momento onde precisamos difundir a aprovação da lei 11.769, que torna obrigatório o ensino de música nas escolas, para a sociedade, especialmente govenantes e comunidade escolar. Para isso, além de termos em mãos e conhecermos a legislação, precisamos  divulgar as notícias que estão circulando nos meios de comunicação.  
Na edição de ontem do Jonal Nacional (15 de Novembro) passaram três matérias muito interessantes sobre o assunto, que se complementam, informando sobre a obrigatoriedade do ensino de música nas escolas a partir do ano que vem e uma pesquisa realizada no Japão comprovando os benefícios do canto para a saúde, especialmente para os idosos no retardamento de doenças."

Vocês podem acessar as matérias através do link abaixo:
http://g1.globo.com/jornal-nacional/

Edição de 15 de Novembro

Matérias:

Congresso discute mais de 250 projetos de novas disciplinas no currículo escolar

Lei torna ensino de música obrigatório nas escolas brasileiras a partir de agosto de 2011

Pesquisadores japoneses afirmam que cantar faz bem à saúde

1° Encontro de Educação Musical de Porto Alegre


Horário: 10h às 12h - 14h às 18h
Dia 23/11/2010

Local: Auditório da Secretaria Municipal de Administração
de Porto Alegre
Rua Siqueira Campos, 1300 - 14º andar

Dias 24 a 27/11/2010
Local: Santander Cultural - Rua Sete de Setembro, 1028



Inscrições e informações:
Com Cristina Rolim Wolffenbüttel
E-mail
Fone: 51 - 3289.1849
cristinarolim@smed.prefpoa.com.br

1º Seminário Estadual Música na escola - Porto Alegre/RS

Planos Musicais!

Como já citei em algumas edições do "Planos Musicais", muitas dessas idéias propostas para atividades em salas de aula eu tiro de blogs, sites e até mesmo de alguns livros que encontro e acho interessantes. A idéia dessa semana é de um blog muito interessante, que me serve de inspiração sempre, o blog da Cissa Laval. Atualmente ela está trabalhando em um projeto sobre as manifestações culturais, os resultados ela estará postando sempre que possível. É uma iniciativa ótima para as crianças conhecerem um pouco da nossa cultura. Assim, o tema desta semana será:


Estudando manifestações culturais


Os indivíduos de estudo da Cissa fazem parte de uma turma que chamam de Turno Integral, onde as crianças passam os dois turnos na escola. Para esta turma as aulas tem outras características, uma aula mais solta e com cara de oficina. Ela alega que as dificuldades são muitas já que as crianças se sentem cansadas do clima escolar e na maioria das vezes é difícil motivá-las com sucesso.

A idéia, a princípio, era propor várias atividades que não relacionassem a aula com o clima escolar. Resolvendo assim partir para o estudo do folclore de uma maneira mais vivenciada em que eles possam realmente experimentar essas manifestações.

Começando com o estudo o bumba-meu-boi, mostrou um vídeo da festa no Amazonas e falou um pouco sobre as histórias que cercam essa manifestação cultural. A idéia é montar seu próprio boi, com roupas, músicas próprias, e apresentar o trabalho desfilando pela escola com cantos e figurinos.

Agora é com vocês!

domingo, 14 de novembro de 2010

Cine M.S.

Como havíamos prometido, a cada final de semana apresentaremos dicas de filmes, claro, relacionados à música.
O filme dessa semana vem com ar psicodélico e com toda a magia que emana das música dos eternos "garotos de Liverpool". Já adivinharam de quem estou falando?
O Cine MS de hoje é dedicado a todos os fãs dos Beatles:

Across the Universe (Através do universo ou em todo universo) é uma produção estado-unidense de 2007 dirigida por Julie Taymor. O filme retrata os anos 1960, com suas lutas, guerras e paixões, ambientando toda uma época através da obra dos Beatles. O elenco tem jovens talentos que interpretam e cantam, como o do inglês Jim Sturgess, a americana Evan Rachel Wood e o também inglês Joe Anderson. O filme também conta com algumas participações especiais de Bono do U2 e Joe Cocker, Salma Hayek.

Sinopse


O filme começa em Liverpool, de onde o inglês Jude (Jim Sturgess) decide partir para os EUA em busca de seu pai. Lá ele conhece Max (Joe Anderson), um estudante rebelde. Torna-se seu amigo e se apaixona por sua irmã (Evan Rachel Wood). Esta por sua vez, acaba envolvendo com emergentes movimentos de contra-cultura, da psicodelia aos protestos contra a Guerra do Vietnã. Em meio às turbulências da época, Jude e Lucy vão passar por situações que colocam sua paixão em choque.








Como não poderia faltar...
Trilha Sonora

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Musimídia da Semana

Olá a todos!

Estava devendo um post, não é mesmo? Bem... Não estarei mais e por isso, daqui a alguns dias (já que o dia oficial de postagem do Musimídia é no domingo), vocês vão ter que me aturar de novo. Pois é... Meus pêsames! Hehehe!

Hoje, o Musimídia falará de uma cantora que eu, pessoalmente, admiro MUITO e sou fã de carteirinha!

Hard Rock AllStar



Alô comunidade roqueira ou rockeira de natal. Sábado é dia, quero dizer, é noite de puro rock para aqueles que curtem e gostaria de relembrar os grandes clássicos do rock, sentir a noite ferver, apreciar o trabalho inovador em solo potiguar com as bandas: Drive Sex, Hot Nyte, Fullsion e Sunset Boulevard.


Local: Centro Cultural DoSol - Natal/RN
Horário: 22:00
Valor: R$10,00

A noite de sábado garante!!!

3º Festival Internacional de Música Corporal

  Música que você vê. Dança que você ouve.
O International Body Music Festival (IBMF) é um projeto da Crosspulse e foi fundado pelo diretor artístico e músico corporal Keith Terry. As edições anteriores do IBMF (em 2008 e 2009) foram realizadas em São Francisco na Califórnia. Em agosto de 2010, ocorreu uma mostra-show (prévia do festival), no Lincoln Center em Nova York, para então seguir rumo ao Brasil.

Com realização da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo e parceria do Consulado Americano, a 3° edição do Festival Internacional de Música Corporal acontece de 16 a 21 de novro, incluindo apresentações e workshops com alguns dos principais artistas do gênero. O IBMF, que teve a sua primeira edição fora dos Estados Unidos, conta com a programação distribuída nos espaços Galeria Olido, Centro Cultural São Paulo, Teatro Cacilda Becker, Centro Cultural da Juventude, Espaço 10×21, Raies e Centro Cultural Rio Verde. Idealizado pelo americano, Keith Terry, músico e pesquisador da música corporal no mundo, esta terceira edição é realizada a convite e em parceria com o Núcleo Barbatuques, grupo brasileiro reconhecido internacionalmente como referência no trabalho de pesquisa sobre o corpo e suas possibilidades sonoras.

O IBMF 2010 Brasil tem direção de Fernando Barba e recebe cerca de onze atrações internacionais: Slammin All-Body Band (EUA, com Keith Terry criador do IBMF), KeKeÇa (Turquia), Kenny Muhammad (EUA), Tekeyé (Colômbia), LeeLa Petronio (França), Max Pollak (Áustria), Sandy Silva (Canadá), Step Afrika! (EUA), Jep Meléndez (Espanha), B.A.S.E – Bay Area Sonic Ensemble (EUA), Steven Harper (EUA – Brasil) e Las Flamencas (Espanha).  Além de uma apresentação especial do Barbatuques com participação de Stênio Mendes e Orquestra Corporal.

Também integra a programação a exposição de imagens captadas por Mike Melnyk, fotógrafo americano que registrou as demais edições do evento, apresentando seu acervo sobre o tema.
Fonte: http://www.br.internationalbodymusicfestival.com/2010/

Encontro de Educação Musical no Cariri

Estão abertas, até o dia 17, as inscrições para o I Encontro de Educação Musical do Cariri e o II Simpósio de Guitarra no Cariri, que acontecem, de 22 a 24 de novembro, em Juazeiro do Norte.

Os eventos são promovidos pelo Curso de Educação Musical do Campus da Universidade Federal do Ceará no Cariri. Na programação constam palestras, minicursos, oficinas e apresentações musicais.
Os interessados podem obter mais informações pelo telefone (88) 3572.7231 ou pelo site http://bit.ly/9GJNS5.

Fonte: Curso de Educação Musical do Campus da Universidade Federal do Ceará no Cariri – (fone: 88 3572 7231 begin_of_the_skype_highlighting              88 3572 7231      end_of_the_skype_highlighting)

Fonte: http://www.ufc.br/portal/

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Sem Comentários!

A DIVA E O MAESTRO

Que a ópera o faça rir! Sim, ópera. A soprano Nathalie Choquette faz uma versão engraçada de diversas árias de óperas famosas tomando a liberdade de criar em cima das obras de Verdi, Mozart e Puccini. Choquette é uma cantora lírica profissional que incrementa suas apresentações com figurinos escandalosos e um senso de humor sem limites. La Diva, seu nome artístico, é uma irrecuperável mulher travessa conhecida internacionalmente. O lendário maestro Charles Dutoit participa das altas travessuras de Choquette enquanto rege a Orquestra Sinfônica de Montreal. Tanto os aficionados por ópera quanto os que não dão a mínima irão se surpreender e se apaixonar por La Diva. Sua veia cômica irá mudar, para sempre a nossa percepção com esta apresentação artística atemporal. ÁRIAS - ÓPERAS - COMPOSITORES 1 - Der Hölle Rache - (Die Zauberflöte, Mozart) 2 - D’Amore Sull’Ali Roseg - (Il Trovatore, Verdi) 3 - Ah! Je Veux Vivre - (Romeo et Juliette, Gounod) 4 - Summertime - (Porgy and Bess, Gershwin) 5 - Red Dragonflies - (Música folclórica japonesa) 6 - Un Bel Di - (Madame Butterfly, Pucini) 7 - Prelude - (Carmen, Bizet) 8 -Habañera - (Carmen, Bizet) 9 - Theme From Toreador - (Carmen, Bizet) 10 - Kalinka [sou chique, bem, meu nome é música para os seus ouvidos! Huaaaaa... Risada a lá Paola Bracho] - (Música folclórica russa) 11 - La Grande Porte de Kiev -(Tableaux d’une Exposition, Moussoresky) 12 - Indian Song - (Sadko, Rimsky Korsakov) 13 - Alleluia - (Exultate Jubilate, Mozart) 14 - Mon Coeur Souvre à Tavois - (Samson et Dolila, Saint-Saëns) 15 - La Danza - (Tarantella Napoletana, Rossini) 16 - Mattinata - (Leoncavallo) 17 - (O Sole Mio - (Di Capua) 18 - (Nessun Dorma - (Turandot, Puccini) 19 - Ebben, ne Andro Lontana - (La Wally, Catalani).

A música abaixo é meio chatinha, mas é também muito engraçada, pincipalmente, graças a intérprete. Assistam o vídeo, clicando no link de visualização do restante da postagem, e comentem!

I Encontro de Música Percussiva

O I Encontro de Música Percussiva é uma iniciativa do Núcleo de Música Percussiva da UFC com o apoio dos estudantes, professores do curso de Música e PET, envolvidos na temática percussiva da cultura, da arte e da educação musical na cidade de Fortaleza.


O I Encontro de Música Percussiva é uma iniciativa do Núcleo de Música Percussiva da UFC com o apoio dos estudantes, professores do curso de Música e PET, envolvidos na temática percussiva da cultura, da arte e da educação musical na cidade de Fortaleza.
O I Encontro de Música Percussiva é uma iniciativa do Núcleo de Música Percussiva da UFC com o apoio dos estudantes, professores do curso de Música e PET, envolvidos na temática percussiva da cultura, da arte e da educação musical na cidade de Fortaleza.
 
O I Encontro de Música Percussiva é uma iniciativa do Núcleo de Música Percussiva da UFC com o apoio dos estudantes, professores do curso de Música e PET, envolvidos na temática percussiva da cultura, da arte e da educação musical na cidade de Fortaleza.

O evento contará com palestras, mesas-redondas, oficinas e aulas-shows, tendo a participação especial do mestre de cultura Descartes Gadelha artista plástico, ritmista e colaborador dos grupos de maracatus e escolas de samba na cidade. Além da presença privilegiada de professores, grupos percussivos, profissionais e estudantes que compartilham desta formação contínua.
Aberto ao público interessado em Refletir, Debater, Fazer e Tocar a Música Percussiva, sendo esta a proposta de cultivarmos no espaço acadêmico aliado as manifestações culturaisexistentes, uma propagação legítima e sonora dos Nossos Tambores de Cada Dia.

  • Datas: 08 a 10 de dezembro.
  • Horário: 08:00 as 18:00.
  • Local: Auditório da PROGRAD- PICI e Curso de MúsicaPICI.

Informações:
Catherine Furtado 8793 2601

OFICINEIROS:
Notação para Percussão- Erwin Schrader
Construção de Instrumentos- Tauí e Equipe
Percussão Corporal- Alessandra Araújo
Ritmos do Maracatu- Catherine Furtado
Bateria- João Luís



terça-feira, 9 de novembro de 2010

Tome Nota

Quando li esta notícia e fiquei pasma! É cada viagem...
Leia o texto abaixo e comente sua opinião: Lady Gaga deveria ser estudada ou não? (daria uma boa enquete...)

Lady Gaga pode ser tema de curso em universidade nos Estados Unidos!

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Planos Musicais!

A edição desta semana vem com um tema mais variado que pode ser utilizado de várias formas:
Parlendas
O que são parlendas? São rimas infantis, em versos de cinco ou seis sílabas, servem para divertir, ajudar a memorizar, ou escolher quem fará tal ou qual brinquedo.
Um exemplo disso...

Fui no mercado (A formiguinha)

Essa música, além de permitir o trabalho corporal que é tão importante para os primeiros anos, é uma boa oportunidade de apreciação musical. Por ter um arranjo de qualidade e afinação bem cuidada é uma ótima referência de audição musical e possibilita a conversa com os pequenos sobre outras manifestações culturais do nosso país.


ou "A formiguinha" (Cantigas de Roda, de Hélio Ziskind)


fui no mercado compra café
veio a formiguinha e subiu no meu pé
2x {eu sacudi, sacudi, sacudi
{ A
{mas a formiguinha nao parava de subir...

Uma outra idéia...

Nome das notas musicais - Um jogo para conhecer a ordem ascendente e descendente

A brincadeira funciona da mesma forma que "batata quente", escolhi uma parlenda para dar ritmo e pulso ao jogo de escolha. Em um pote ou caixa foram colocados diversos nomes de músicas conhecidas das crianças, em seguida começa a parlenda de escolha: "Lá em cima do piano tem um copo de veneno quem bebeu morreu e o culpado não fui eu dó ré mi fá sol lá si dó si lá sol fá mi ré do ". Todos cantam a primeira parte e um de cada vez fala o nome das notas no ritmo passando o pote de mão em mão, quem ficar com o pote no final tem que sortear uma música para cantar no centro da roda. Acelerar o pulso pode tornar a brincadeira ainda mais dinâmica e divertida!