terça-feira, 26 de abril de 2011

8 dicas para aliviar a dor de garganta

Como a edição passada dos "Planos Musicais!" foi especilmente para cantores (servindo também para professores e/ou pessoas que utilizam muito a voz para trabalhar...), hoje estou postando um complemento da mesma. 
Relembrando o "Planos Musicais!" da semana passada foi: Dicas para aquecer sua voz!
Esta semana teremos...  


O texto abaixo foi-nos enviado especialmente pela Fonoaudióloga e Especialista em voz Tays Vaiano:
A voz é o principal instrumento de comunicação humana, por meio dela informamos não
somente palavras, mas também sentimentos de acordo com a forma como falamos.
Tomar alguns cuidados simples pode auxiliar na manutenção de uma boa saúde vocal.

Os principais sinais de que algo não vai bem com as suas pregas vocais são:
• Rouquidão
• Cansaço ao falar
• Falhas ou perda de voz
• Dor ou ardência na garganta
• Pigarro
• Dificuldade para engolir

A causa desses sinais ou sintomas pode ser diversa. O único profissional habilitado para fazer o
diagnóstico correto e decidir qual o melhor tratamento para tratar sua voz, é o médico.

O que devemos evitar para preservar uma boa qualidade vocal?
• Não fumar
• Não consumir álcool em excesso
• Não gritar
• Não pigarrear ou tossir
• Não falar em demasia
• Não use a voz em um tom que não seja o seu (mais fino ou mais grosso)
• Não forçar a voz: quando gripado, em período pré-menstrual e após ingerir grandes
quantidades de aspirinas, calmantes ou diuréticos
• Evitar alimentos derivados do leite e achocolatados antes do uso intenso da voz e
alimentos que causem azia e má-digestão (alimentos muito apimentados, gordurosos,
café)

O que é bom pra voz?
• Articule bem as palavras
• Fale pausadamente, não use o ar até o fim
• Descanse a voz (fazer momentos de repouso vocal)
• Beba pequenos goles de água ao longo de todo o dia
• Cuide da saúde de uma forma geral

Mitos e Verdades
Gengibre: é adstringente (como a maçã), porém é bastante irritativo para a mucosa. Além
disso, tem propriedade anestésica, isso propicia facilmente o abuso vocal.
Menthol: tem propriedade anestésica, portanto é contra indicado, pois 'mascara' o uso
vocal o que pode levar a situações de abuso vocal. É encontrado em várias pastilhas e
balas "refrescantes".
Própolis: é cicatrizante, no entanto algumas fórmulas vendidas em spray contém álcool e
menthol. Atenção! Priorize as soluções aquosas.

É importante estar sempre atento. Escute sua voz e os sinais que ela oferece. Quanto antes
feito o diagnóstico, melhores as condições e sucesso no tratamento.

Não existem receitas caseiras milagrosas que substituam o tratamento médico.


A Equipe M.S. gostaria de agradecer à Fonoaudióloga Tays Vaiano pelo apoio e por se dispor a nos enviar essas informações de temanha importância. 
Volte sempre ao nosso Movimento Sonoro!

4 comentários:

  1. Muito bom também! Vou me acabar na pastilha Halls quando tiver com a garganta ardendo! XD Hahahaha! Coincidência ou não, um amigo meu tava com a garganta ruim ontem! Vou mandar isso pra ele! Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Hahahaha...
    Por incrível que pareça, eu coloquei justamente porque eu vivo com a garganta ruim...
    E para diminuir o número de desculpas nos ensaios na hora da galera cantar...
    Tipo:
    "Aluno: Professora, estou com a garganta doendo hoje, não posso cantar...
    Professora: Leia as informações contidas no Movimento Sonoro que você melhora."
    XD

    ResponderExcluir
  3. Meu nome está vinculado a uma matéria aqui postada, contudo, o site de onde foram tiradas as informações nunca me procurou. As informações aqui contidas não estão de acordo com as orientações que passo em minha prática clínica e não são indicadas pela ciência da fonoaudiologia como chás, balas e sprays. Estou inteiramente à disposição para oferecer um texto (escrito por mim) com informações corretas. Não existem receitas caseiras milagrosas para melhorar a voz, ao contrário, as mesmas podem agravar um distúrbio vocal. Conto com a colaboração.

    ResponderExcluir
  4. Obrigado Dra. Thays por nos avisar sobre a postagem, O movimento sonoro pede desculpa pelo ocorrido, o material será retirado imediatamente e seria uma honra e privilégio poder colocar um texto de sua autoria no lugar, o meu email é kaionac@hotmail.com, aguardo contato e o texto, mais uma vez obrigado por contribuir.
    Atenciosamente,

    Kaio Morais

    ResponderExcluir